O ano de 2019 já chegou e com ele, todo tipo de publicação financeira falando sobre onde investir no ano que está para começar. Um saco! Na minha opinião é uma barbaridade, um desserviço ao público que precisa de educação financeira de verdade.

Não encontramos, por exemplo (numa analogia simplista), publicações mencionando as novidades em exercícios físicos e como revolucionar de formas específicas a sua saúde no ano ímpar ou par que está por vir. Por que nos investimentos seria diferente?

Investir, planejar e encontrar a independência financeira não é algo que condicionamos ao ano que está para começar. Da mesma forma que na saúde, profissão ou qualquer outro campo das nossas vidas, investir deve ser um ato contínuo, frequente, atemporal e que precisa ser levado a sério.

Como será 2019? Em 2017, como seria 2018? E em 2014, como seria 2015? Nunca sabemos de fato e isso pouco importa. O erro humano é apegar-se à tentativa de controlar o incontrolável quando deveríamos na verdade estabelecer formas de executar o que está ao nosso alcance como disciplina, persistência, aplicações frequentes e regulares, austeridade e planejamento. Estas são algumas das varias coisas que temos controle e que de certa forma ignoramos tentando prever o futuro, torcendo para que, mesmo sem ter feito nada do que precisamos de fato fazer, tenhamos sucesso financeiro numa jornada que só tem uma mão: de ida e sem alternativa de volta pra refazer ou tentar diferente da forma correta.

Vai chover daqui há 3 semanas ou os juros vão subir em 2019? Não sei. Já vi mais de 20 réveillons trabalhando no mercado financeiro e tenho a certeza de que nunca o ano seguinte foi mais previsível do que o que está acabando. Quer saber? Isso nunca importou mesmo.

•••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

Antonio Marmo Jr é administrador de empresas, está no mercado financeiro há mais de 20 anos. Um dos maiores especialistas do Brasil em atendimento à clientes investidores.

Fundador e CEO da Praisce Capital desde 2003, é também sócio da XP Investimentos. Palestrou sobre o tema mercado financeiro em mais de 500 eventos.

Hoje a Praisce Capital possui 35 sócios que atendem mais de 6000 clientes e conta com mais de R$2 bilhões sob assessoria. Está atualmente em 4º lugar no ranking nacional, além de fazer parte do grupo das 20 maiores empresas filiadas à XP em todo Brasil.

Quer compartilhar fatos e dicas? Envie para o e-mail: [email protected]

Comentários:

Comentar

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!
WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: