Livro “O futuro do secretariado” discute a formação acadêmica dos profissionais

Artigos falam sobre a nova atuação no mercado e habilidades necessárias para evoluir na carreira

A profissão de secretário sempre foi vista como uma função técnica, tanto que até hoje muitos recrutadores se surpreendem com candidatos que possuem a gradução em secretariado. Para aproximar esse ambiente acadêmico, profisisonais da área se reuniram para escrever a obra O futuro do secretariado, publicado pela editora Literare Books International.

No livro, os autores debatem o mercado, o ambiente acadêmico, o histórico da profissão e os futuros desafios que os profisisonais precisarão enfrentar. É necessário formar pessoas que pensemam além, que tenham habilidades em gestão de informação e tempo, contabilidade e saibam organizar eventos. Outro ponto crucial para aqueles que almejam trabalhar como secretários de grandes executivos é o conhecimento de diversas línguas além do inglês, uma vez que este é quase uma obrigatoriedade do mercado.

O mercado para o profisisonal formado em secretariado é muito amplo, podendo-se atuar em empresas e fábricas dos mais variados tamanhos em todo o país. Além disso, pode-se escolher entre a carreira na área executiva, ou atuar como auxiliar administrativo e recepcionista.

Hoje, o mundo mudou e se exige mais do profissional do secretariado: muitos fazem pós-graduação, MBA e cursos de idioma. A demanda é alta, mas para se destacar é preciso cumprir muitas exigências do mercado de trabalho, que se torna cada vez mais rigoroso e busca um profissional mais completo. Por isso, se destacar no meio acadêmico é um dos caminhos para evoluir na carreira e abrir novas portas, uma vez que a maioria possui apenas cursos técnicos na área.

Outro ponto importante da obra é o debate sobre a formação dos professores atuantes no curso da graduação, a grade curricular e a produção científica na academia, que está crescendo a passos lentos.

Entre os principais temas abordados pelos autores estão:

A pesquisa científica no âmbito da pós-graduação stricto sensu: mapeamento de dissertações e teses sobre o secretariado;

Da vivência como profissional de secretariado à docência;

O professor como agente de comunicação na sala de aula: algumas reflexões;

Histórico da profissão de secretariado

Quer compartilhar algo comigo? Envie para o e-mail: [email protected]

Comentários:
error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: