Júpiter retrógrado: como a movimentação do segundo sol afeta sua vida

Publicidade

Considerado o segundo sol, Júpiter é um dos planetas mais amados da astrologia, chamado de ‘benéfico’. Além de espalhar otimismo, sorte e alegria, também representa abundância, viagens e filosofia. A partir deste domingo, 20, o astro entra em movimento de retrogradação e traz uma pausa filosófica ou espiritual para o período, segundo a astróloga Sara Koimbra.

“Na astrologia, um retrocesso é sempre algo desafiador, uma pausa, um período de introspecção e reflexão nas áreas governadas pelo planeta em questão. No caso de Júpiter, que adora nos mover para frente e se expandir, essa pausa é filosófica ou espiritual”, afirma a astróloga.

O planeta retrocede no signo de Aquário e fica neste movimento até 14 de setembro deste ano, quando entra em Capricórnio. Segundo a especialista, neste período é possível ter que lidar com questões específicas envolvendo crescimento e desenvolvimento, felicidade e sucesso. “Geralmente, ele destaca quaisquer comportamentos destrutivos que possamos ter e que estejam fora de controle”, conta Koimbra.

Publicidade

Com a retrogradação em Aquário, as grandes mudanças são analisadas. Sara explica que “é o momento em que você questiona suas crenças, valores que a organização da sociedade nos impôs e não leva tudo ao pé da letra”. E ainda avisa: “Júpiter retrógrado não é favorável para especulação, investimentos ou jogos de azar, pois as chances de ganhar são menores durante este período”.

Publicidade

Artigos relacionados

Comentarios

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Compartilhe o artigo

Publicidade

Artigos Mais Recentes