A sexóloga da INTT Cosméticos, Shirlei Coden, fala sobre algumas situações recorrentes quando o assunto é sexo sem compromisso

Segundo uma pesquisa feita pelo site C-date, um “Tinder” porém voltado para sexo casual, grande parte das pessoas solteiras pensam em transar pelo menos cinco vezes por dia. O portal descobriu que 69% das pessoas que foram entrevistadas ficam ao longo do dia imaginando ou até mesmo relembrando a própria vida sexual. No total, 3,2 mil usuários foram entrevistados, sendo 56% homens e 42% mulheres que confessaram pensar em sexo no dia a dia. E a falta de tempo foi a resposta dita por 39% dos entrevistados para justificar o motivo de optar pelo sexo casual ao invés de algo mais sério ou fixo.

“Hoje é possível encontrar um aplicativo de relacionamento destinado apenas para quem busca sexo casual ou até mesmo para quem procura um relacionamento mais sério, então em questão de minutos as pessoas podem satisfazer os seus desejos sem muito esforço”, explica a sexóloga da INTT Cosméticos, Shirlei Coden. Apesar de na teoria o sexo sem compromisso aparentar ser algo simples, na prática ele pode acabar sendo um grande problema na vida de qualquer pessoa.

Para esclarecer algumas questões que podem surgir antes, durante e depois do ato, Shirlei explica algumas questões recorrentes quando o assunto é transa casual:

– Com quem estou saindo?

Bateu aquela vontade, você troca mensagens e fotos, e quer marcar uma rapidinha com ele (a)? Calma, primeiramente é necessário descobrir quem é essa pessoa de fato, mesmo que o encontro for apenas para transar uma única vez. Pesquise as redes sociais da pessoa, caso você tenha o número de celular dela, é possível encontrar informações tanto em sites de pesquisas como em apps.

– Onde marcar

Por discrição, muita gente costuma marcar o encontro em locais com pouco movimento. Porém, o ideal é sempre combinar em uma região com câmeras de segurança, para evitar qualquer problema. Existem locais também que não são tão movimentados que podem ser uma opção para encontros casuais, como um bar ou algo similar. Caso nunca tenha ido ao ponto de encontro, pesquise na internet antes como é, se é um estabelecimento seguro e informações sobre o bairro.

– Nem tudo que reluz é ouro

Na foto pelo celular parecia ser uma pessoa e quando chegou era outra completamente diferente? Isso acontece com bastante frequência, então o ideal é sempre utilizar fotos recentes e sem retoques exagerados, para evitar qualquer situação constrangedora. Se não rolou química também e nem vontade de ficar, explique com cuidado para não ofender ou causar uma situação chata. Se estiver ainda na dúvida se vai rolar, antes do encontro explique sobre a possibilidade de não acontecer, afinal, o tempo de ambos é precioso e sua vontade precisar ser respeitada.

– Sexo só com segurança

É fundamental se proteger, então por mais que ele ou ela goste de transar sem preservativo, a camisinha é obrigatória para evitar dúvidas e dsts.

– Era só uma transa, mas eu me apeguei

As vezes o encontro casual é tão bom que a vontade de ter algo mais sério com a pessoa aparece. Se for o caso, seja sincero (a) e evite ficar postergando, é melhor receber um não e seguir em frente do que idealizar algo que não vai acontecer. Como diz o ditado: quando um não quer dois não brigam.


Pabllo Lopes

Gosta de escrever sobre cinema, séries, música e clássicos da Disney. Sonha em ser uma Fada.Vive no mundo da imaginação. Vamos ser feliz.
error: Content is protected !!