Navegar Em Categorias: LGBT+

Gays lutam para esconder sua sexualidade no trabalho: Diz estudo


Universidade de Cincinnati publicou uma pesquisa que afirma que há uma alta incidência de homens homossexuais que escondem sua orientação sexual, a fim de evitar possíveis consequências negativas, como represálias homofóbicos de colega ou a perda de seus empregos. A pesquisa foi conduzida por Travis D. Speice, sociólogo e professor da Escola de Enfermagem e Ciências da Saúde da Universidade…

SAIBA MAIS »

Pesquisas apontam que a identidade gay é um “privilégio social”


Um estudo psicológico realizado na Universidade de Durham indica que os homossexuais podem usar sua sexualidade em diferentes espaços como uma forma de privilégio social. Max Morris, autor desse estudo, sugere que a identidade gay pode ser reconhecida como uma forma de prestígio na sociedade. Para alcançar tal afirmação, o pesquisador contatou 40 homens homossexuais de 4 universidades na Inglaterra,…

SAIBA MAIS »

Site da Rússia oferece informações sobre pessoas LGBT para que possam ser atacadas


Na Rússia, um site está incentivando os cibernautas a fornecer informações sobre as pessoas LGBT para que as elas possam localizá-las, espancá-las e torturá-las. O site, chamado “Saw“, lançou um “jogo”, datado de 01 de maio e até o dia 30 deste mês, destinado a pessoas da província de Ufa, sudeste da Rússia, para coletar e distribuir informações sobre homossexuais…

SAIBA MAIS »

Adultos mais velhos LGBT casados ​​são mais felizes e saudáveis: estudo


Lésbicas, gays, bissexuais e pessoas trans com mais de 50 anos e que são casadas são mais felizes e saudáveis, de acordo com um estudo elaborado pela Universidade de Washington, é a primeira investigação do gênero a ser abordada as perspectivas dos idosos LGBT. A pesquisa revelou que relacionamentos de longo prazo com parceiros resultaram em um aumento em um…

SAIBA MAIS »

Saiba quais são os melhores países para se trabalhar se você é LGBT


A empresa de consultoria e serviços estatísticos Expert Market listou os melhores países para se viver e trabalhar na União Européia para pessoas LGBT. De acordo com os resultados do estudo, Malta é o melhor para as pessoas LGBT, porque essa nação é reconhecida por sua dedicação constitucional à proteção dos direitos desse setor populacional; Além disso, tem a menor…

SAIBA MAIS »

Jovens que escondem sua orientação sexual correm mais riscos de cometer suicídio


Segundo uma investigação, adolescentes que mantêm sua orientação sexual escondida têm uma tendência maior a comportamentos suicidas. O estudo, conduzido por pesquisadores do American Journal of Preventive Medicine, enfocou adolescentes que se identificaram como gays ou lésbicas, mas que mantinham contato sexual apenas com pessoas do sexo oposto ou ambos; Também incluiu jovens que se identificam como heterossexuais, mas que…

SAIBA MAIS »

“As pessoas completamente heterossexuais não existem”; estudo afirma que a sexualidade é fluida.


Um estudo conduzido pela Universidade de Cornell sugeriu que a sexualidade humana é fluida e que as pessoas “totalmente heterossexuais” não existem. Este estudo foi publicado como um livro sob o nome de “Mais Direto”: Fluidez Sexual entre Homens. Para realizar o estudo, a reação corporal de homens e mulheres a imagens pornográficas e vídeos foi monitorada. Os especialistas decidiram…

SAIBA MAIS »

Um terço dos americanos acredita que ser transgênero é um pecado


Um estudo realizado pela Ipsos, uma empresa dedicada à análise da informação, procurou explorar as diferentes opiniões sobre pessoas transgêneros em diferentes países. Dos 27 países pesquisados, um terço da amostra americana ligou pessoas transgêneros com doença mental, o que contrastava com 71% dos entrevistados que diziam que seu país estava se tornando mais tolerante com esse setor da população.32%…

SAIBA MAIS »

A mais antiga universidade católica nos EUA terá uma residência estudantil LGBTQ


A Universidade de Georgetown, considerada a mais antiga escola católica de ensino superior nos Estados Unidos, aprovou a proposta de criar uma nova comunidade de aprendizagem viva para estudantes LGBTQ; Nesta comunidade, os alunos que desejam discutir questões relacionadas ao gênero e à identidade podem permanecer. A decisão tornará a universidade a se tornar a primeira universidade jesuíta nos Estados…

SAIBA MAIS »
error: Content is protected !!