Pensamentos depreciativos sobre si mesmo podem arruinar o dia, então é preciso tratá-los

A falta de autoestima é algo que vai muito além da aparência ou condição financeira, muitas vezes, o desgosto por si mesmo e pelo que realiza está tão enraizado que pode resultar em um sentimento de perca de tempo em toda a vida.

“A principal forma de expressão da falta de autoestima é quando vemos aquela pessoa que não se sente bem com sua aparência, podendo chegar até o ponto de evitar olhar no espelho e perder qualquer sentimento de vaidade”, conta Madalena Feliciano, hipnoterapeuta.

Mas o que acontece quando a falta de autoestima toma ainda mais nossa mente? Muitas pessoas não conseguem mais ser produtivas, por mentalizar que nada será bom o suficiente, seja no trabalho ou na vida pessoal.

Ter sucesso no trabalho ou ser feliz na vida amorosa parece impossível quando não existe o mínimo de amor próprio que é necessário para acreditar em si mesmo, no seu potencial e no seu futuro, por isso, lidar com a autoestima baixa deve ser uma prioridade.

“Tratá-la com a medicina convencional é comum, mas também existem outras opções, como a hipnose, que tem resultado rápido por agir na base do problema”, afirma a especialista.

Agindo em áreas do subconsciente, que são realmente difíceis de acessar através de outros métodos de tratamento, a hipnose pode localizar a causa da baixa autoestima, como traumas de infância.

Em poucas sessões, senão uma, aquele que não sentia vontade de levantar da cama pode realmente experimentar a felicidade novamente após ter sua autoestima de volta. Muitas vezes, um simples pensamento diferente pode mudar sua visão de mundo e recuperar a parte que faltava para seguir um caminho prazeroso e repleto de aceitação e amor próprio!