5 virtudes que todo relacionamento amoroso deve ter

Publicidade

Manter uma relação de amor estável, saudável e feliz é algo a que todo ser humano aspira. Não existe uma receita mágica que nos permita obtê-lo. No entanto, devemos saber que existem alguns pilares básicos a que todos devemos aspirar. Vamos discuti-los abaixo.

Um relacionamento amoroso deve edificar vocês dois, fazê-los sentir-se à vontade com tudo e com sua união, ajudá-los a aceitar o passado, a viver o presente e a olhar para o futuro com entusiasmo.

1. Dar e receber

Às vezes cometemos o erro de dar absolutamente tudo pela outra pessoa, sem esperar nada em troca. Devemos ter cuidado com o fato de que a balança está sempre inclinada para o mesmo lado. Em vez disso, cuidado e respeito são dois dos pilares sobre os quais o relacionamento deve se apoiar.

Publicidade

Manter um relacionamento amoroso saudável é dar e receber igualmente. O desejável seria não ter que exigir, mas, se necessário, é conveniente fazê-lo para a saúde do relacionamento. Ofereço meu amor e, em troca, preciso ser respeitado, compreendido e cuidado.

O pacto, portanto, deve residir em sermos capazes de oferecer o que exigimos da outra pessoa. Caso contrário, não demorará muito para que sentimentos como sofrimento e frustração apareçam. Abra-se para a outra pessoa, mas certifique-se de receber o mesmo em troca.

2. Ame sem depender ou submeter-se

Outro erro muito comum é construir um relacionamento baseado na dependência. Se nos acostumarmos a depender de outra pessoa, nunca nos sentiremos realizados. Isso dá origem a situações que levam à aparência de ciúme ou desconfiança. Devemos construir uma relação de amor em que não haja submissão, em que ninguém obrigue ninguém a fazer o que não quer, em que não haja dominação ou controle.

O desejável, em qualquer caso, é que nosso parceiro confie em nós, que nos ame. Uma coisa muito diferente é nos tirar o fôlego ou nos colocar limites. Ter espaço para uma pessoa é essencial. Ou seja, você não deve apenas encontrar tempo para si mesmo, para crescer como pessoa, mas seu parceiro deve ajudá-lo em seu propósito. Isso resultará no reforço da autoestima e autonomia para ambos. Diga não à submissão.

3. Ouça e aprenda a dialogar

Discussões são comuns em relacionamentos amorosos. Qual casal não teve diferenças em alguma ocasião? É normal e até higiênico. Defender o ponto de vista nos ajuda a estabelecer padrões e limites, também necessários para o entendimento mútuo.

Nessas ocasiões geralmente desagradáveis, colocamos a outra pessoa e a nós mesmos à prova. Mas também permite conhecer melhor o casal. Assim, quanto melhor do que discutir, melhor será aprender a dialogar. Ou seja, que o propósito dessa troca de opiniões é para o bem, nunca para punir ou humilhar o outro.

Dialogamos para chegar a acordos e aprender com essas situações. Daí a importância de saber ouvir. Isso significa fazer o exercício saudável de se colocar no lugar da outra pessoa e levar em consideração as necessidades dela.

Saber ouvir é saber falar, contribuir com ideias, defender o seu ponto de vista e ter a coragem de mudá-lo se, após a troca, percebermos a vantagem ou a lisura da abordagem do casal. Portanto, é aconselhável tentar ter a mente aberta e entender que o diálogo não é para ficar com raiva ou insultar. Dialogar é entender e aprender também.

4. Saiba como se adaptar

Há algo que devemos deixar claro: não é possível mudar a outra pessoa. Também não é bom tentar, porque é inútil. Vejamos um exemplo simples: você gosta da natureza e está acostumado a fazer excursões com seus amigos e familiares nos finais de semana. Ele, porém, é mais sobre estar em casa, assistindo televisão ou jogando com seu game. Vocês se amam, mas às vezes seus interesses são diferentes.

Você deveria parar de caminhar no campo? Ele deve deixar seus costumes? De forma alguma, devemos nos adaptar um ao outro e saber combinar hobbies. Uma possível solução para esse problema seria que em uma semana ele o acompanharia em suas excursões e, na próxima, você ficaria em casa assistindo filmes confortavelmente com seu parceiro.

Para chegar a esses acordos, é necessário que na relação amorosa haja respeito e entusiasmo por termos um projeto juntos.

5. Mantenha a ilusão todos os dias

O amor se alimenta dia a dia, mesmo com pequenos gestos. Os gestos são muito importantes para manter a ilusão diária com a qual mantemos forte o nosso relacionamento amoroso. E isso requer pouco esforço e detalhes sempre que possível. Mostre à outra pessoa como ela é importante para você. E deixe seu parceiro mostrar a você também.

Uma carícia quando menos se espera, um beijo de bom dia, nós dois vamos para a cama ao mesmo tempo, nos esforçamos para fazer as coisas juntos , demonstramos com fatos que o outro é importante …

Todos são pilares sobre os quais um verdadeiro sólido e estável relacionamento é construído.

Lembre-se: a relação ideal é aquela que se constrói dia a dia nessas bases. Você merece ser feliz e pode fazer muito para alcançá-lo. A felicidade está em suas mãos. Nunca se esqueça.

Publicidade

Artigos relacionados

Comentarios

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Compartilhe o artigo

Publicidade

Artigos Mais Recentes