Assaltos e Medo Pânico Da Sociedade

Indicando Esse Livro e só clicar no nome:Teorias da Administração Pública

Vivemos de Medo,são tantos medos aterrorizadores que sentimos assustados.O medo ele ultrapassa uma barreira de nossas vidas que às vezes passa do limite,ele coloca riscos mas também nos prevenir de grandes acontecimentos e traumas.Sentir medo é bom mas também é ruim.

O medo é uma sensação que proporciona um estado de alerta demonstrado pelo receio de fazer alguma coisa, geralmente por se sentir ameaçado, tanto fisicamente como psicologicamente.Esta emoção é uma adaptação psicológica que experimentamos desde o início da evolução e, em grande medida, serviu para que o ser humano avançasse e evoluísse.Por vezes o medo é tão incapacitante que julgamos poder morrer. Cresce em nós um pensamento de rejeição da coisa temida, afastamo-nos dela, esperando que um dia nasça em nós a coragem para lidar com o medo.
O medo uma espécie de perturbação diante de algo que se está exposto a algum tipo de perigo, que pode ser real ou não,ele pode abranger todas as intensidades, desde uma insegurança leve até o terror total.

Nos últimos tempo o medos das pessoas têm aumentado,enquanto a coragem dos Bandidos e criminosos tem se propagado.Ultimamente,as pessoas trabalham porque é o jeito,porque saem amedrontadas,com tamanhos assaltos e crimes que acarretam a população.
Quando você observar a sociedade um lado dela anda preocupada e por outro aborrecida,enquanto um tanto vivem do “foda-se.Com tamanha criminalidade,vemos que o crime tá compensando,os roubos de celular tem virado epidemia pela as regiões do Brasil.
E o medo?O medo das pessoas? Do Trabalhador? Eles vivem com medo dos marginais.Porque ninguém tá nem aí pra ninguém,e a população vai se afundado em medo profundo.
A violência que não cessa e atinge boa parte da sociedade.
Como a violência tem ido obrigaram as  pessoas a mudarem suas rotinas diárias, seja para evitar novas abordagens de ladrões, seja para superar os traumas ou conviver com eles.Se te levam alguma coisa  não te machucam, é só mais um assalto,mas se você não tem nada te batem e ti ameaçam ou até ti matam.
As pessoas não devem deixar de registrar ocorrência policial por estarem acostumadas com assaltos. Assim, se tornam coniventes com a proporção da violência na região.

Passar pela experiência de um assalto ou um sequestro deixa marcas. Por um lado, a felicidade de ter sobrevivido.
Fácil não é.Devemos prestar muito atenção nas experiências dos dias de hoje,e andar sempre atento com cada movimento ao nosso redor,por mas que estar seguro,é sempre bom nos precaver de qualquer fatos a nossa volta.
Se cuide e se mantenha vigilante.

Links Para Entender a Realidade.

Armas da Persuasão, a – Como Influenciar e Não Se Deixar Influenciar

O Andar do Bêbado – Como o Acaso Determina Nossas Vidas 

Você Também Pode Gostar

%d blogueiros gostam disto: